OUÇA AQUI RÁDIO COMUNITÁRIA METAMORFOSE FM 104,9 - SÃO FRANCISCO DO OESTE /RN

segunda-feira, 30 de setembro de 2013

QUIXERAMOBIM/CE: Padre foi buscar toalha de altar em boca de fumo

Quixadá - Igreja Matriz Jesus Maria José 11.09.13 (8)

O ataque à Igreja Matriz de Santo Antônio, na cidade de Quixeramobim/CE, no dia 20 do mês passado, é apenas um exemplo da falta de segurança nos tempos religiosos da Igreja Católica na área da Diocese de Quixadá/CE. As investidas de malfeitores, principalmente de usuários de drogas, desocupados e vândalos, estão se tornando cada vez mais constantes. De acordo com o padre Ribamar Filho, responsável pela Paróquia Jesus Maria José, a Catedral de Quixadá, como é mais conhecida, os ataques a Igreja estão se tornando cada vez mais frequentes. O jeito foi colocar grades, mesmo contrariando a vontade de boa parte dos fiéis. 

Nestes três anos à frente da Paróquia mais central da cidade padre Ribamar Filho já foi buscar até a toalha do altar em uma boca de fumo, local onde são vendidas drogas, revelou. Apesar da instalação das grades as tentativas de arrombamento continuam, Também tentaram arrancar o cofre da igreja, mas acabaram desistindo. Os prejuízos para o acervo religioso não são maiores porque as peças de maior valor, para a Igreja, não ficam mais expostas. Ele lamenta o comportamento dos malfeitores e a falta de segurança.
Conforme o comando do 9º Batalhão Policial Militar (BPM) sediado em Quixadá, casos como o do furto do cofre em Quixeramobim não são comuns na região. Na maioria deles os responsáveis pelas igrejas não informam à polícia. Mesmo assim, tanto as igrejas católicas como as evangélicas precisam tomar cuidados. As cidades vão crescendo e com elas os problemas. A Polícia Militar não possui efetivo suficiente para guarnecer cada templo existente na região. Mesmo assim, quando são realizadas procissões e festividades religiosas, parte dos policiais são disponibilizados para garantir a segurança.

Diário Sertão Central