JOSÉ EUGÊNIO DE FREITAS LUNGUINHO

www.eugeniofreitas.com - JOSÉ EUGÊNIO DE FREITAS LUNGUINHOwww.blogeugeniofreitas.blogspot.com.br

domingo, 2 de abril de 2017

61º Homicidio em Mossoró 2017: Músico é perseguido e morto com um tiro no Parque das Rosas do Santa Delmira

E a violência continua crescendo de forma assustadora, deixando a população de Mossoró, na região Oeste Potiguar em pânico. Só na noite desta sexta feira 31 de março a cidade registrou dois homicídios e nos últimos três dias foram sete assassinatos.

O músico João Paulo Dias Freitas de 26 anos, foi a segunda vítima da violência que assola Mossoró, nesta noite de sexta feira. Ele foi morto com um unico dispara de arma de fogo, em um campo de futebol no Parque das Rosas do Santa Delmira.

Informações repassadas pela Polícia Militar, a vítima estava na calçada de sua casa, na Rua Bem Me Quer naquele bairro, quando dois homens em uma moto chegaram e efetuaram disparos.

João Paulo correu tentando escapar dos inimigos, mas foi perseguido e alvejado com um tiro que atingiu as costas, transfixou e saiu no tórax. O rapaz tombou sem vida em frente a uma Igreja evangélica do bairro.

De acordo com informações a vítima era tecladista e cantava em pequenas festas e não tinha antecedentes criminais. A sua morte é um mistério para os moradores do bairro.

Após o isolamento do local do crime, realizado pela Polícia Militar,o corpo de João Paulo foi removido para a sede do ITEP onde será examinado e depois liberado.

A Divisão de homicídios e Proteção a Pessoas (DHPP) de Mossoró, vai investigar o assassinato do músico. Com os dois homicídios registrados nesta noite de quinta feira (31), Mossoró passa a contabilizar 62 mortes violentas em 2017.
FIM DA LINHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário