quinta-feira, 27 de abril de 2017

Prefeito participa de bolão da Mega-Sena e vai dividir prêmio de R$ 101 milhões; juiz, empresário e policial também ganharam

O prefeito de São Pedro da Cipa (MT), Alexandre Russi (PR), foi um dos 20 vencedores do bolão da Mega-Sena, sorteado nessa quarta-feira (26), que vão dividir os R$ 101 milhões. Os outros 19 ganhadores são da cidade de Jaciara (MT), cidade onde foi feita a aposta. Cada um vai levar pouco mais de R$ 5 milhões.

Esse é o maior prêmio em um concurso regular da Mega-Sena –sem considerar a “Mega da Virada”, que tem regras especiais– desde 2015 e o sexto maior da história da modalidade lotérica.
O município de Jaciara fica localizado na região sul do Mato Grosso (146 km de Cuiabá) e possui 26.519 habitantes, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Já o município de São Pedro da Cipa (181 km de Cuiabá) tem 4.493 habitantes, segundo o IBGE. Cerca de 33km separam as duas cidades.
Russi disse que não costumava jogar na loteria e só fez a aposta porque a lotérica entrou em contato com ele oferecendo o bolão. “Eu joguei duas vezes na minha vida”.
Segundo o prefeito, que tem um salário de R$ 11 mil, o irmão dele, o deputado estadual Max Russi (PSB), sempre joga, e, desta vez, acabou não fazendo a aposta. “Como ele não respondeu a mensagem, a lotérica me perguntou se eu queria comprar um dos quatro bilhetes que restaram do bolão. Passei na lotérica e paguei os R$ 99,22, mas sem acreditar que ia ganhar”, conta.
Ele disse ainda que estava em um jantar na cidade de Rondonópolis (MT) quando foi informado que era um dos ganhadores. Ao mesmo tempo, descobriu que outros amigos e conhecidos compraram o mesmo bolão e também ganharam o prêmio, segundo seu relato.
Segundo o prefeito, um empresário, um juiz e policial civil também entraram no bolão.
“Eu estava com um amigo, o ex-vereador Rosandro Andrade, que na hora disse que também tinha comprado o bolão. Outros cinco amigos que convivem comigo também ganharam. Conheço todos os ganhadores. Não combinamos de fazer bolão e nem comprar juntos o bilhete da lotérica, mas ontem nos reunimos para comemorar”, conta Russi.
O prefeito disse que vai usar parte do dinheiro para pagar contas e guardará o restante para investir. O dinheiro também vai ser dividido na família.
“Minha rotina não vai mudar muito porque não ganhei sozinho, a região agora tem 20 milionários. Como meu irmão não jogou e ele é meu sócio em tudo, vou dividir o prêmio na família. Fico feliz em ganhar o prêmio, mas também porque serão R$ 101 milhões que foram divididos e entrarão na economia da região”, afirma o prefeito.

Com informações do UOL

Nenhum comentário:

Postar um comentário