terça-feira, 27 de junho de 2017

SÃO FRANCISCO DO OESTE/RN: gestão da ex-prefeita Antônia Gildene deixa mais de 2,5 milhões de reais em saldo devedor junto à Previdência Social

FONTE E FOTOS: Assessoria 


Gestão da ex-prefeita Antônia Gildene deixa mais de 2,5 milhões de reais em saldo devedor junto à Previdência Social.
Em 29 de Agosto de 2013, (no primeiro ano de seu segundo mandato) a ex-prefeita negociou junto ao Instituto Nacional da Seguridade Social – INSS, uma dívida de R$ 550.730,30 (quinhentos e cinquenta mil setecentos e trinta reais e trinta centavos), a ser paga em 240 (duzentas e quarenta) parcelas a ser descontada na primeira cota do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Acontece que após seu candidato a prefeito, ter sido derrotado nas eleições municipais de 2016, a ex-prefeita Antônia Gildene de forma curiosa voltou a negociar dívidas que sua gestão contraiu junto à Previdência Social. No entanto, ardilosamente, após a derrota nas urnas, a ex-prefeita não teve a mesma “preocupação” com o erário público, tendo em vista que os débitos previdenciários poderiam ter sido parcelados em até 240 (duzentos e quarenta) meses, como realizado no início do primeiro ano do seu segundo mandato, porém, requereu os parcelamentos em apenas 60 (sessenta) meses. Mais precisamente no dia 10 de novembro de 2016, a Sra. Antônia Gildene requereu o parcelamento de R$ 1.355.124,68 (um milhão, trezentos e cinquenta e cinco mil, cento e vinte e quatro reais e sessenta e oito centavos), o que comprova que a ex-gestora deixou de repassar por mais de um ano as contribuições previdenciárias. Posteriormente, em 23 de novembro de 2016, requereu o parcelamento de mais uma dívida que seria deixada por sua gestão, dessa vez no valor de R$ 503.088,24 (quinhentos e três mil oitenta e oito reais e vinte e quatro centavos), também negociada em apenas 60 (sessenta) meses. Por fim, no apagar das luzes, em 13 de dezembro de 2016, a ex-prefeita requereu o parcelamento de mais uma dívida contraída junto ao INSS durante sua gestão, sendo esta no importe de R$ 199.879,77 (cento e noventa e nove mil, oitocentos e setenta e nove reais e setenta e sete centavos), a ser liquidada também em apenas 60 (sessenta) meses. A conduta da ex-prefeita ao efetuar o parcelamento de mais de 2,5 milhões de reais em débitos junto à Previdência, em apenas 60 (sessenta) meses deixou evidente que sua intenção era apenas a de prejudicar a nova gestão municipal, bem como, toda população oestense. Vale frisar que o município de São Francisco do Oeste tem como sua principal receita os recursos provenientes do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que se encontram comprometidos, e em virtude dos débitos deixados pela ex-prefeita Antônia Gildene a atual gestão está encontrando inúmeros obstáculos para assegurar a manutenção dos serviços básicos em benefício da população. No entanto, o Prefeito Lusimar Porfírio, juntamente com sua Assessoria Contábil e Jurídica, está buscando renegociar as dívidas previdenciárias herdadas, a fim de retirar o município da inadimplência, possibilitando a realização de mais ações administrativas em benefício de toda a população.




Nenhum comentário:

Postar um comentário